O processo que envolve a aprovação em uma universidade , o fim do ensino médio, a procura de um possível local para ficar (caso haja necessidade de mudança) e as demais mudanças comuns durante esse período pode ser difícil. Não podemos esquecer de um detalhe muito importante: a maioria das pessoas realiza provas para mais de uma universidade, algumas particulares e outras públicas.

Sabendo disso, vamos discutir e entender um pouco sobre as diferenças principais dessas duas instituições, vantagens e suas desvantagens!

Universidade Pública

Talvez o ponto que mais chame atenção na lista de vantagens de uma instituição pública é o custo zero para estudar . Com os cursos superiores em alta demanda, o preço de uma mensalidade em faculdades particulares é bem elevado, então uma vaga na federal pode lhe poupar um bom dinheiro.

No entanto, devemos lembrar que exatamente por esse motivo é comum observarmos maior concorrência nas faculdades públicas, afinal, nem todo mundo tem tanta grana para desembolsar todo mês com uma mensalidade cara. Outro fator importante a se considerar é que estudantes de escola pública que estejam inclusos em alguns critérios recebem alguns subsídios do governo como desconto na alimentação e até auxílio moradia e transporte.

A presença de um aspecto mais focado no academicismo faz com que a maioria dos professores tenha, no minimo, um mestrado. Em média, são profissionais com currículos recheados, algo que (ainda) não é tão exigido em instituições privadas.

Universidade Particular

Vamos começar de cara falando uma vantagem importantíssima de estudar em uma instituição particular: Calendário acadêmico. Por não contarem com greves, as faculdades particulares possuem um calendário bem definido , permitindo com que o aluno possa organizar-se melhor (acredite, isso é muito útil para quem precisa comprar passagens aéreas com antecedência).

Embora não seja uma vantagem exclusiva de universidades particulares, é mais comum observarmos maior flexibilidade em horários(cursos noturnos e diurnos), o que é uma mão na roda para quem precisa conciliar trabalho e estudo! Além disso, pela maior quantidade de turmas disponíveis, o número de aprovados costuma ser superior e as listas “rodam mais”.

Nosso país tem enfrentado dificuldades em relação ao estudo público, com sucateamento de diversas instituições e dificuldade de angariar verba. Nesse cenário, diversas faculdades particulares que antigamente eram ‘mal vistas’’ aproveitaram para modernizar-se e subirem na competição, ficando cada vez mais desejadas e valorizadas!

Por fim, os vestibulares são específicos. Isso facilita bastante o processo de estudo, já que o vestibulando pode focar-se especificamente “naquela” prova e nas questões que ela costuma abordar. Isso , no entanto, pode ser uma desvantagem caso o estudante realize apenas o ENEM!

Qual eu escolho?

A escolha da sua faculdade depende de diversos fatores e situações extremamente particulares. Vamos deixar um resumão com alguns pontos positivos e negativos de cada uma:

Faculdade Pública – Vantagens

• Subsídios para alunos de baixa renda
• Sem mensalidade
• Professores em geral extremamente capacitados
• Bolsas de monitoria e pesquisa

Faculdade Pública – Desvantagens

• Notas de corte mais altas
• Greves
• Futuro incerto quanto ao investimento
• Horários mais restritos

Faculdade Particular – Vantagens

• Flexibilidade de horários
• Ausência de greves
• Constante modernização
• Listas maiores

Faculdade Particular – Desvantagens

Mensalidade cara
• Ausência de subsídios em muitos casos (exceto bolsas específicas)
• Vestibular específico