As festas universitárias são popularmente conhecidas por sua ousadia e animação. Na verdade, fazer faculdade praticamente se tornou sinônimo de festejar. Mas, fazer uma boa festa universitária vai muito além do que simplesmente oferecer bebida em quantidades exorbitantes.

Hoje em dia já existem diversas brincadeiras divertidas que podem deixar a sua festa muito mais animada! Por isso, selecionamos 5 brincadeiras para animar a sua festa universitária e torná-la um verdadeiro sucesso! Confira abaixo nossas sugestões.

brincadeiras universitárias

1. Charadas

Esta brincadeira é uma velha conhecida, mas ao fazê-la em uma festa universitária você junta a farra com um teste de habilidades.

Para colocar esta brincadeira em prática, comece escrevendo palavras ou frases (podem ser nomes, objetos, títulos) em diversas tiras de papel. Divida a turma em 2 a 4 times. Uma pessoa do primeiro time sorteia uma das tiras e terá um minuto para fazer mimica do que está escrito no papel, sem falar ou sem fazer qualquer outro som. O time que acertar a palavra ou frase, ganha um ponto. A cada rodada, um membro diferente do time tem que realizar a mímica. O time que tiver o maior número de pontos ao final do jogo, é o vencedor.

2. Jogo das Fantasias Baratas

Essa é uma brincadeira simples, mas que pode ser uma excelente alternativa para inovar a sua festa.

Primeiramente, você precisa dividir as pessoas em grupos de três a sete pessoas. Dê um balde cheio de acessórios para cada um poder criar uma fantasia. Dentro do balde podem ter coisas como: restos de tecido, fitas, papelão, rolos de papel higiênico e outros itens. Para facilitar, você pode pedir para que os convidados também levem algumas coisas. Dê um tempo de cinco minutos para os grupos criarem uma fantasia a partir dos itens do balde. Quando o tempo encerrar, uma junta de jurados deve decidir o vencedor.

brincadeiras universitárias

3. Passa cartão

Essa brincadeira é perfeita para brincar com o “crush” e rende boas risadas e muita diversão. A vantagem desse jogo é que ele é simples e não precisa de muitas coisas. Na verdade, você só precisa de um retângulo de cartolina ou um cartão de visitas.

O jogo consiste em passar o cartão de boca em boca no círculo de jogadores “sugando” e usando apenas os lábios. A pessoa que deixar cair três vezes, além de poder render alguns “selinhos”, tem que beber uma dose, pagar micou ou ser expulso do jogo. Para dificultar o jogo, jogue batendo palmas, começando com um ritmo mais lento e vai acelerando. Assim, as pessoas começam a ficar nervosas e deixam cair o cartão.

brincadeiras para festas universitárias

4. Zorra

Essa é aquela brincadeira perfeita para quem adora fazer barulho, por isso pense bem antes de resolver jogar em um lugar como a casa da sua avó. Para essa brincadeira você irá precisar basicamente da sua voz.

O jogo funciona da seguinte forma: Vamos supor que o grupo esteja em 10 pessoas, portanto você tem os números de 1 a 10, correto? O jogo basicamente é contar do número 1 até 10, porém seguindo determinadas regras. A primeira é, qualquer pessoa pode levantar para falar o número 1. Para dizer o número 2 é preciso estar atento e ver se alguém vai levantar ao mesmo tempo que você. Se ninguém levantar, você pode dizer o número. E assim vocês vão levando o jogo até chegar no número 10. Resumindo, não pode levantar enquanto outra pessoa estiver de pé, se duas pessoas se levantarem ao mesmo tempo elas deverão voltar para os seus lugares para tentar novamente (ou então outra pessoa ser mais rápida e levantar na frente) e por fim, ninguém poderá falar duas vezes. A última pessoa que levantar perde o jogo. Preparado??

5. Meu dinheiro, minhas regras

É quase impossível uma festa universitária não ter bebida, então que tal também criar uma brincadeira para ela?

A brincadeira “Meu dinheiro, minhas regras” é parecida com o famoso beer pong americano, aquele que aparece em quase todo filme onde tem alguma festa universitária.

Vamos conferir como ela funciona?

Para esta brincadeira você irá precisar de um copo baixo, daqueles de shot mesmo e uma moeda qualquer. Depois você deve colocar o copo numa superfície plana, onde não haja obstáculos. Defina entre você e seus amigos qual será a ordem. Para começar, o primeiro jogador deve quicar a moeda na mesa e fazer com que ela caia dentro do copo. Caso ele acerte, tem direito a jogar outra moeda. Se errar, a próxima pessoa joga.

Vá anotando quantas moedas cada pessoa acertou e, quem conseguir acertar 5 moedas tem direito de criar uma regra. Pode ser simples como “não pode falar palavrão” ou “não pode pular”. Quem quebrar as leis, tem que tomar uma dose. A graça desta brincadeira está no fato de que as “leis” vão se acumulando, ou seja, a próxima pessoa que conseguir colocar 5 moedas no copo tem direto de adicionar uma nova regra em cima da existente.catálogo de camisetas personalizadas terceirao 2020

6.Sueca

Esse jogo faz muuuito sucesso entre os universitários, porque não envolve só a biritinha que todo mundo gosta, essa brincadeira é mais caliente (ARIIIIBA) e dependendo da tribuição dada a cada carta, pode acontecer literalmente qualquer com o jogador. Cada carta do baralho de uma regra. Por exemplo: o 7 pode permitir que o jogador vá ao banheiro, o 5 pode ser que obrigue que você beije o colega que está à sua frente na roda, a dama obrigue você beber uma dose, e assim por diante. Na internet existem várias possibilidades de jogar a sueca, caso a que você encontre não seja a mais perfeita para você e seu grupo de amigos, é só adaptar. 

7.Mímica

Brincadeira antiga, porém nunca fora de moda. Em uma festa universitária você junta farra com um teste de habilidades. A cada rodada a brincadeira vai ficando ainda mais divertida, pois digamos assim… o pessoal vai perdendo o pudor. Por que? Ah, vocês sabem né… (quem entendeu respira).

Sabemos que em uma festa é difícil estabelecer muitas regras, então nesse caso é cada um por si e biritinha para todos. De acordo com o tempo pré-determinado, a pessoa deve ir à frente de todos e fazer mímicas. Se ele conseguir que as pessoas acertem, não bebe. Caso não consiga, shot nele.

Lembrando que o shot não precisa ser necessariamente de bebida com álcool, é direito de cada pessoa decidir se quer beber ou não. Água, refrigerantes e sucos também são válidos, o importante é se divertir.

8. Passa Cartão

Ta afim de chegar no crush, mas não sabe como? Joga essa ideia de brincadeira pra galera e o mais importante: NÃO DESGRUDA DO BOY OU DA MINA, cola nelx. A vantagem desse jogo é que ele é simples e não precisa de muitas coisas. Na verdade, você só precisa de um pedaço de papel.

O jogo consiste em passar o cartão de boca em boca no círculo de jogadores “sugando” e usando apenas os lábios. A pessoa que deixar cair três vezes, além de poder render alguns “selinhos”, tem que beber uma dose, pagar mico ou ser expulso do jogo. Para dificultar o jogo, jogue batendo palmas, começando com um ritmo mais lento e vai acelerando. Assim, as pessoas começam a ficar nervosas e deixam cair o cartão.

9. Eu Nunca

O que você nunca fez? Se você não fez, nessa brincadeira você já sai na dianteira. A brincadeira é simples: basicamente é preciso formar uma roda, cada “jogador” fica com uma dose de bebida na mão. A cada rodada, uma pessoa diz o que ela nunca fez, quem já fez o que a pessoa disse, bebe. Por exemplo: EU NUNCA ME PERDI DOS MEUS AMIGOS NUM ROLÊ. Quem já se perdeu, bebe. Nesta versão tem também o “Eu nunca do vale”.

10. Beer Pong

É impossível uma festa universitária não ter bebida e gente animada. Então pra unir o útil ao agradável existe o beer pong. Um jogo tradicionalmente americano, que mais parece ter saído de um filme conquistou, principalmente, as festa de atlética. Em uma mesa os competidores organizam os copos como as bolas de uma mesa de sinuca, nos dois lados. Com uma bolinha de sinuca o competidor tem que fazer a bolinha quicar na mesa e cair em um dos copos com bebida. O dono dos copos em que o adversário acertou bebe o conteúdo do copo e assim por diante.

Rolê Bom é Rolê Consciente

As possibilidades de animar a sua festa são infinitas, e com as brincadeiras de adulto que acabamos de ensinar, com certeza sua party ficará muito mais divertida. Além dessas que ensinamos, hoje em dia existem vários aplicativos com brincadeiras do gênero. É importante lembrar que nesses jogos o uso de bebidas alcóolicas não são obrigatórias e que cada um pode escolher pelo o que beber e se divertir da mesma forma. E para os que beberem: reconheçam seus limites e NÃO DIRIJAM.

Gostou deste artigo? Compartilhe com seus amigos e não se esqueça de curtir a nossa página do Facebook para ficar sempre ligado nas novidades.